Receita na mesa

Molho de pimenta rápido

Inventado pelos europeus, o molho de pimenta é um clássico da gastronomia

Por Receita na mesa

  • min 30
  • Porções 5
  • Nível Fácil

O molho de pimenta é muito usado na Europa há muitos séculos. Aqui no Brasil ele ficou popular quando a Coroa trouxe a iguaria.

Ingredientes
  • Pimenta malagueta a gosto
  • Suco de 2 limões
  • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva
  • 1 cebola grande, picada (branca ou roxa)
  • 1 pimentão, em rodelas picadas
  • 1 tomate, picado
  • ½ maço de coentro, picadinho
  • ½ maço de salsa, picadinha
  • ½ maço de cebolinha, picadinha
  • 1 pitada de sal


Modo de Preparo

  • Soque bem as pimentas junto com o sal.
  • Acrescente o suco de limão, o azeite, a cebola, o tomate e o pimentão.
  • Misture bem e salpique as folhas de coentro, salsa e cebolinha.
  • Sirva em uma molheira.

Você sabia?

A designação malagueta era já dada, antes da chegada dos europeus à América em 1492, a uma especiaria picante da África Ocidental - a pimenta-da-guiné. A qualidade picante de certas variedades deste alimento, levou os europeus a batizá-las de malagueta. A pimenta malagueta também é conhecida pelos nomes de gindungo, maguita-tuá-tuá, ndongo, nedungo e piri-piri. Em Angola, Moçambique e Portugal, são chamadas piri-piri aos frutos mais pequenos e malagueta os maiores. Normalmente são usados secos para condimentar carnes ou para fazer molho de pimenta .

Leia mais:  Risoto de linguiça toscana, feijão branco e vinho tinto

A malagueta no Brasil

Em Minag Gerais a pimenta malagueta é identificada como "pimenta café". Ela tem este nome porque o seu aroma é semelhante ao cheiro do grão de café em fase de secagem. Além disso, outra característica fundamental que difere a malaguetinha silvestre das espécies híbridas é o tamanho e a coloração do fruto. A variedade original apresenta um fruto menor do que as espécies mais comuns e, mesmo após amadurecido, a pontinha do fruto preserva um tom levemente esverdeado.

Benefícios

Esta pimenta é rica em vitamina C que aumenta as defesas do organismo, ajudando na prevenção e no combate de infecções como a gripe. Ela também é um ótimo antioxidante, neutralizando os radicais livres instáveis que podem causar danos ao físico, acelerando o envelhecimento celular. Além disso, este nutriente fornece resistência aos ossos e dentes e facilita a absorção de ferro no organismo.

Leia mais:  9 comidas americanas que provam que a vida é maravilhosa

Outra vitamina muito presente nestas pimentas é a E. Ela é importante porque também é antioxidante e por isso age retardando o envelhecimento e ainda protege o organismo contra doenças crônicas não transmissíveis como Parkinson, Alzheimer, câncer e doenças cardiovasculares.

Curtiu essa receita de molho de pimenta? Agora é só comprar os ingredientes e mandar ver!